quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Buenos bares pt.4

Vamos à penúltima (ou não) parte dos reviews de bares.

La Viola (Humbolt y El Salvador, Palermo) –Música + tragos + comidinhas + ambiente agradável. Não tem nada demais, mas é um bom lugar para ouvir rock – e para não ouvir nada também, porque você pode sentar lá fora e ignorar tudo. Eu fui ver Identidade, só tomei algumas Quilmes porron (como eles chamam a long neck), mas o menu é bem variado, das comidas aos tragos, apesar de estes serem meio caros, $100 qualquer um deles. (Fechou)

Macondo (Plaza Serrano, Palermo) – A plaza Serrano para mim sempre serviu apenas de ponto de referência e/ou encontro para dali dar seguimento a algum bar próximo, mas eis que em uma sexta-feira qualquer acabei ficando por ali mesmo, no Macondo. O bar é grande, com diferentes ambientes, tem comidinhas e tragos e eu escolhi sentar no desértico piso superior colada em uma parede de vidro de onde se podia acompanhar toda a movimentação da praça e dos bares ao redor. A bebida da noite: vinho branco.

Victoria Brown (Costa Rica,4803, Palermo) – Apesar da música eletrônica soando ao fundo (em um volume bastante aceitável), gostei muito do Victoria Brown. Já tinha ouvido falar muito dele e deu pra entender o porquê. O bar é enorme, escuro e tem um décor lindo, meio rústico, que lembra justamente um galpão de uma fábrica de bebidas. Além de uma bela barra, tem varias mesas de diferentes tamanhos, com bancos altos ou sofás. A variedade de bebidas é imensa e eu acho difícil alguém parar ali para tomar uma simples cerveja, então fui direto para os tragos, nada convencionais, diga-se de passagem, com ingredientes exóticos e um preço nada amigável. O mais barato custava $120.

Sugar Bar (Costa Rica, 4619, Palermo) – O Sugar era um bar que eu queria ir já fazia muito tempo, mas nunca encontrava companhia e ocasião para fazê-lo, assim que aproveitei a vinda da minha irmã e fomos. O atendimento é o pior que já presenciei por aqui e os tragos estavam meio quentes, mas os nachos estavam ok. O ambiente até é legal, mas é meio “sport bar” e quando fomos estava passando no telão um jogo de futebol americano, sem áudio, thank god.

Nenhum comentário:

Postar um comentário